Homem é condenado a 20 anos de prisão por matar mulher com 24 facadas

| ANA OSHIRO / CAMPO GRANDE NEWS


Veronil e Aldenir estavam se relacionando havia três anos qundo crime aconteceu (Foto: Arquivo pessoal)

Veronil Pereira da Rocha, de 46 anos, foi julgado e condenado a 20 anos, 2 meses e 20 dias de prisão por matar a mulher, Aldennir Soares da Silva, de 35 anos, com 24 facadas em junho de 2020, na cidade de Chapadão do Sul, a 321 km de Campo Grande.

Aldennir foi assassinada por querer terminar o relacionamento de três anos com Veronil, ele não aceitava a separação e disse à polícia, na época do crime, que estava com raiva e 'possuído por um demônio' quando matou a mulher.

Veronil foi condenado por feminicídio qualificado consumado, o julgamento aconteceu nesta segunda-feira (13), no Tribunal do Júri de Chapadão do Sul. Ele ainda terá que pagar R$ 100 mil em indenização para os filhos da vítima.

O crime aconteceu dia 26 de junho de 2020 à noite. Aldennir foi morta na frente da própria, Maria Aldenir Barbosa da Silva, 58 anos, e na frente de um dos filhos da vítima, que na época tinha apenas 15 anos de idade.

Depois de matar a companheira, Veronil fugiu e se escondeu nos bueiros da cidade para esperar o período de flagrante terminar, então se apresentou à polícia no dia 28 de junho, mas o pedido de prisão preventiva já havia sido acatado pela justiça e Veronil permaneceu preso desde então.

Quer receber notícias do Site MS NEWS via WhatsApp? Mande uma mensagem com seu nome para (67) 9 9605-4139 e se cadastre gratuitamente!


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE