Mecânicos são presos enquanto retiravam peças de avião danificado em pouso

| ADRIANO FERNANDES / CAMPO GRANDE NEWS


Aeronave de onde o trio estava retirando as peças. (Foto: O Correio News)

Três mecânicos foram presos após serem flagrados retirando as peças de um avião, no aeroporto de Chapadão do Sul, cidade a 330 quilômetros de Campo Grande. Conforme a polícia a aeronave sofreu danos em um pouso malsucedido e foi apreendida.

As equipes das polícias Civil e Militar da cidade estiveram no Aeroporto Municipal Júlio Martins, no último sábado (11) após receberem uma denúncia, sobre o possível furto de um avião que estava estacionado no hangar do local.

O trio foi encontrado desmontando o avião e disse que tinha autorização da ANAC (Agência Nacional de Aviação Civil) para retirada de peças. No entanto, como não apresentaram a tal autorização eles foram levados para a delegacia, prestaram depoimento e foram liberados em seguida, segundo o portal O Correio News.

O caso já está sendo investigado pelo Dracco (Departamento de Repressão à Corrupção e ao Crime Organizado). O departamento confirmou que o avião sofreu danos em um pouso e que foi apreendido, porque o comandante ou o dono da aeronave não informaram o sinistro à ANAC. Uma perícia foi realizada no aeroporto e também foi constatado que os mecânicos não tinham autorização para a desmontagem.

'Roubos aéreos' - O Dracco também apura as circunstâncias de um outro caso envolvendo aeronaves, que ganhou repercussão nacional nos últimos dias. Na madrugada de segunda-feira, dia 6 de setembro, dezoito homens invadiram o aeroclube de Aquidauana, amarraram o caseiro do local e os seus dois filhos e fugiram com três aeronaves. Um dos aviões era do cantor Almir Sater.

Até o momento só dois envolvidos no crime foram presos: Cristhopher Cristaldo Rocha, de 20 anos, e Roger Breno Wirmond dos Santos, de 22 anos. A delegacia não divulgou se investiga uma possível relação entre o roubo das aeronaves de Aquidauana com o caso de Chapadão do Sul.

Quer receber notícias do Site MS NEWS via WhatsApp? Mande uma mensagem com seu nome para (67) 9 9605-4139 e se cadastre gratuitamente!


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE