Equipe da PM evita suicídio por enforcamento em Caarapó

| ASSESSORIA


A ação heroica de uma equipe da PM de Caarapó, Pelotão que é subordinado ao comando da 9ª Companhia Independe da PM, e comandada pelo Sargento J Roberto, evitou na madrugada dessa quarta-feira, um suicídio por enforcamento na região do bairro Ecopark.

A equipe foi acionada a principio para atender um disparo de alarme naquela região. No local se deparou com um homem aparentando ter por volta dos 45 anos, de pé sobre uma bancada, com uma corda amarrada ao pescoço e a viga de sustentação da cobertura da casa.

De imediato a equipe tentou acalmar o homem através de diálogo, esperando um momento propicio para uma ação de contenção.

No momento em que um dos policiais dialogava com o autor, sorrateiramente um dos integrantes da equipe, aproveitando que a atenção estava voltada para o outro policial, conseguiu agarrar-se as pernas do autor, buscando a imobilização.

Neste momento os demais integrantes da equipe, com apoio de uma guarnição do corpo de bombeiros local, imobilizou totalmente o homem, logrando êxito em cortar a corda e salvar sua vida.

Os motivos que levaram o autor a tentar o suicídio, ele deixou escrito em uma carta de três páginas, a qual não vamos relatar.

É importante levar a conhecimento da sociedade que, a Policia Militar em seu juramento institucional, se compromete com a segurança da comunidade, fato que ficou explicito na ação dos honrosos policiais que, com destreza, conduziram a ação que culminou no salvamento de mais uma vida.

Quem tem mais experiencia na área de salvamento, sabe o grau de dificuldade que envolvem esse tipo de ocorrência, principalmente por enforcamento, pois qualquer passo em falso pode não somente levar a morte do autor, como também causar sequelas irreversíveis devido a desoxigenação do cérebro e lesões na vertebra cervical.

Os policiais não mediram esforços para mais uma vez garantir a integridade física do cidadão, ainda que ele mesmo fosse autor e vítima do fato.

O comandante do Pelotão PM de Caarapó, Major QOPM Torres, acompanhou o caso e relatou seu orgulho de servir e comandar homens comprometidos com a vida.

“Nossas equipes são extremamente comprometidas com o celibato policial militar, manutenção da ordem publica e defesa da vida. Para mim é um prazer e um orgulho servir ao lado de homens honrados, destemidos e comprometidos como eles.” Conclui o comandante parabenizando a equipe pelo feito.

Quer receber notícias do Site MS NEWS via WhatsApp? Mande uma mensagem com seu nome para (67) 9 9605-4139 e se cadastre gratuitamente!


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE