Continua foragido acusado de matar segurança durante festa de aniversário de Ivinhema

O crime aconteceu por volta das 3h20 deste sábado (11) na Praça de eventos onde aconteceu o show da dupla João Bosco e Vinícius

| ANA PAULA CHUVA/CAMPO GRANDE NEWS


Segurança de 25 anos, identificado como Vitor Hugo Branquinho Camargo, foi morto a tiros durante a festa de aniversário da cidade de Ivinhema. O crime aconteceu por volta das 3h20 deste sábado (11) na Praça de eventos onde aconteceu o show da dupla João Bosco e Vinícius.

O crime teria acontecido após um rapaz, primo do suspeito que foi identificado como José Edilson da Silva Cordeiro, 44 anos, ser retirado do local pelos seguranças. Com isso, houve discussão entre um dos trabalhadores e o homem que teria pegado um celular para filmar a ação.

Segundo as informações apuradas, o celular de José Edilson teria então caído no chão na confusão e quebrado. Ele e o primo saíram do local e voltaram em seguida pelos fundos do parque onde acontecia o evento. A dupla conversou com um dos seguranças e reclamou do que aconteceu.

José perguntou sobre o trabalhador que estava envolvido na confusão e o segurança, ao perceber que ele estava armado, disse que ele não fazia parte da equipe. No entanto, o suspeito encontrou Vitor em uma quadra de área dentro da arena.

Nesse momento, o homem sacou a arma e deu quatro tiros no rapaz. Dois atingiram as costas da vítima, um a cabeça e o outro o braço esquerdo. Ele morreu no local. A Polícia Militar esteve no local e fez buscas por José, mas ele não foi encontrado.

Um outro suspeito foi encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil. A Perícia também esteve no local onde o crime aconteceu. O caso é investigado. A vítima seria morador de Nova Andradina e teria sido confundido pelo autor dos disparos. 

Se quiser receber notícias do Site MS NEWS via WhatsApp gratuitamente ENTRE AQUI . Lembramos que você precisa salvar nosso número na agenda do seu celular.


ÚLTIMAS NOTÍCIAS





















PUBLICIDADE
PUBLICIDADE