Em Fátima do Sul, autor de homicídio diz que cometeu crime por não aguentar mais furtos

Na casa do autor, roupas sujas de sangue foram encontradas

| TOP MíDIA NEWS


Gil Sandro Oliveira dos Santos,37 anos, foi morto a golpes de facada, na noite desta quarta-feira (06), em Fátima do Sul. O autor do crime, de 57 anos, foi localizado pela polícia e confessou o ato. 

Por volta das 22h, da data, a 1ª Delegacia de Polícia de Fátima do Sul foi acionada sobre um homicídio com emprego de arma branca, ocorrido no Bairro Jardim Hidalgo.Equipe policial constatou o fato e localizou o corpo. A morte foi causada por golpes de arma branca, principalmente no tórax e no abdômen. Uma faca foi localizada perto do cadáver. 

Equipe da Polícia Civil e da Rádio Patrulha do 14º Batalhão, foram informadas de que o suspeito teria sido visto correndo pela rua com a camisa suja de sangue. Diante dos fatos, policiais realizaram buscas nas proximidades do crime e localizaram o homem, de 57 anos, escondido em um bar. Ele confessou o ato e disse que o motivo foi o fato da vítima ter furtado a bicicleta dele.  

Ainda conforme informações da delegacia local ao Dourados News, o autor informou que não aguentava mais os furtos que a vítima vinha praticando, no entanto, não havia ocorrências neste sentido nos registros policiais. 

Na casa do autor, roupas sujas de sangue foram encontradas. 

O homem que confessou o ato foi levado para a delegacia local e autuado em flagrante por homicídio qualificado por motivo torpe. Ele aguarda audiência de custódia. 

Se quiser receber notícias do Site MS NEWS via WhatsApp gratuitamente ENTRE AQUI . Lembramos que você precisa salvar nosso número na agenda do seu celular.


ÚLTIMAS NOTÍCIAS





















PUBLICIDADE
PUBLICIDADE