189 pequenos produtores recebem títulos de propriedade no Assentamento Jiboia, em Sidrolândia

O Assentamento Jiboia foi criado há 23 anos a partir do parcelamento da antiga propriedade de 7218 hectares

| MIDIAMAX/DA REDAçãO


Foto: Divulgação

189 pequenos produtores receberam títulos de propriedade no Assentamento Jiboia em Sidrolândia, cidade a 70 quilômetros de Campo Grande, nesta sexta-feira (12). Trata-se da segunda titulação realizada pelo Incra (Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária) durante a gestão petista. A titulação acontece após vistorias feitas pela Fapec (Fundação de Apoio à Pesquisa, ao Ensino e à Cultura).

O Assentamento Jiboia foi criado há 23 anos a partir do parcelamento da antiga propriedade de 7218 hectares, o local foi subdividido em 238 lotes. De acordo com o superintendente do Incra, Paulinho Roberto, 43 dos atuais detentores dos lotes do assentamento permanecerão sem o título, pois não se enquadram aos critérios para se beneficiarem nas diretrizes da reforma agrária.

“Este momento reforça a importância não apenas da posse formal da terra, mas também do fortalecimento dos laços comunitários e do espírito de cooperação entre os agricultores familiares da região', ressaltou Paulinho. O evento contou com a participação de mais de mil pessoas, entre agricultores, autoridades e parceiros do processo.

A Superintendência Regional do Incra, o Ministério de Desenvolvimento Agrário e Agricultura Familia), representado também por sua Superintendência Regional, Marina Nunes, a AGRAER, representando o Governo do Estado de Mato Grosso do Sul, por meio de seu Diretor-Presidente, Washington Willeman, a Prefeitura Municipal de Sidrolândia, administrada pela prefeita Vanda Camilo e a Câmara Municipal do Município, estiveram presentes.

De acordo com o Incra, no último mês de dezembro, a sanção da Lei 14.757 trouxe mudanças em relação à obtenção do título de propriedade que culminará na entrega de títulos a três mil agricultores do assentamento Itamarati, em Ponta Porã. Prevê-se que o presidente Lula visite Mato Grosso do Sul em meados de 2024, para mediar pessoalmente a cerimônia histórica.

Se quiser receber notícias do Site MS NEWS via WhatsApp gratuitamente ENTRE AQUI . Lembramos que você precisa salvar nosso número na agenda do seu celular.


ÚLTIMAS NOTÍCIAS





















PUBLICIDADE
PUBLICIDADE