Projeto quer inserir PANCs e frutos do cerrado em escolas e instituições

O lançamento do programa acontecerá nos dias 20 e 21 de junho

| GENIFFER VALERIANO / CAMPO GRANDE NEWS


Clitória Ternátea, conhecida como 'Fada Azul', é uma PANC (Foto: Paulo Francis/Arquivo Campo Grande News)

Projeto quer levar para o cardápio de escolas e instituições sociais, PANCs (Plantas Alimentícias Não Convencionais) e frutas do cerrado. O lançamento do programa acontecerá nos dias 20 e 21 de junho, no auditório do CREA/MS (Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Mato Grosso do Sul).

A ação está sendo desenvolvida pelo Sesc MS, por meio do Sesc Mais, em parceria com o Recanto das Ervas. Além de promover uma alimentação saudável, o projeto tem como objetivo fortalecer a economia circular.

'Esse novo projeto irá complementar o trabalho social e sustentável que já vem sendo realizado há muitos anos pelo Sesc Mesa Brasil com o aproveitamento integral dos alimentos', conta a diretora regional do Sesc MS, Regina Ferro.

Lançamento - O programa “Panc - Futuro na Mesa' será lançado na quinta-feira (20), a partir das 19h, no auditório do CREA/MS. O evento contará com um painel de debate com a jornalista Márcia Chiad, criadora do Recanto das Ervas e da nutricionista e criadora do termo PANC no Brasil, Irany Arteche.

A participação no lançamento é gratuita, mas os participantes devem realizar inscrição prévia até o dia 18. Se inscreva clicando aqui.

Na sexta-feira (21), participantes selecionados previamente realizarão um passeio no campo na Agrofloresta Flor do Cerrado Brasil, localizada no Indubrasil. No local, serão apresentadas mais de 50 espécies de plantas comestíveis, também haverá uma degustação dos produtos à base dos frutos do cerrado e de PANC.

“O público-alvo da ação são autoridades, servidores das secretarias de educação, saúde e assistência do estado e município, educadores, merendeiras, cozinheiros e cozinheiras das entidades atendidas pelo Sesc Mesa Brasil, acadêmicos e professores dos cursos de nutrição, gastronomia e agronomia de universidades públicas e particulares', informa a nota.

Se quiser receber notícias do Site MS NEWS via WhatsApp gratuitamente ENTRE AQUI . Lembramos que você precisa salvar nosso número na agenda do seu celular.


ÚLTIMAS NOTÍCIAS





















PUBLICIDADE
PUBLICIDADE