Para "proteger filha", mulher mata tio deficiente a facadas na fronteira

Segundo autora, homem de 52 anos, estava mostrando partes íntimas para menina de 3 anos

| DA REDAçãO / MS NEWS


Casa onde mulher morava com o tio e o crime aconteceu (Foto: ABC Color)

Jovem, de 26 anos, foi presa neste domingo (23), após matar seu tio, de 52 anos, esfaqueado. O caso aconteceu em Pedro Juan Caballero, cidade separa por uma rua de Ponta Porã, distante 313 quilômetros de Campo Grande. Ela confessou e disse que queria proteger sua filha.

O caso aconteceu em uma casa no Bairro Virgen de Caacupe. A vítima era deficiente e estava em uma cadeira de rodas quando foi atingido. Ele morreu antes do socorro chegar. Conforme a imprensa paraguaia, ele dividia a residência com a sobrinha.

De acordo com o subcomissário Carlos Toledo, Eliane confessou o crime e relatou que viu o tio mostrando as partes íntimas para sua filha de apenas 3 anos. Por isso, ela decidiu esfaqueá-lo. Ele já tinha histórico de violência familiar.

A mulher foi presa pelo crime e está sob custódia do Ministério Público do Paraguai. Marcos foi atingido por duas facadas, uma na cabeça e outra nas costas, e morreu após hemorragia.

* Com informações ABC Color e Campo Grande News 

Se quiser receber notícias do Site MS NEWS via WhatsApp gratuitamente ENTRE AQUI . Lembramos que você precisa salvar nosso número na agenda do seu celular.


ÚLTIMAS NOTÍCIAS





















PUBLICIDADE
PUBLICIDADE