Carros atravessaram a história de Chile e Uruguai, que se enfrentam na noite desta quarta-feira no estádio Nacional do Chile, pelas quartas de final da Copa América . Primeiro, a Ferrari de Arturo Vidal, que causou comoção no país e por pouco não custou ao Chile perder seu principal jogador no torneio . Depois, o carro do pai de Cavani, que atropelou e provocou a morte de um motociclista no Uruguai . Sabe-se lá como o atacante vai entrar em campo.

O fato é que tanto Jorge Sampaoli, pelo lado lado chileno, quanto Oscar Tabárez, pelo lado uruguaio, tiveram que contornar problemas graves antes do jogo desta noite. “Circunstâncias psicológicas vão determinar quem vai passar às semifinais. Os dois times sabem como o outro joga. A cabeça é que vai definir”, assegurou Sampaoli. Mas Tabárez confia na experiência de seus jogadores: “Eles já superaram outras situações difíceis como esta e podem crescer no momento certo”, acrescentou o uruguaio.

Com o estádio lotado, a pressão vai estar toda do lado dos donos da casa, que já viveram a mesma situação nos três primeiros jogos da Copa América. Sampaoli sabe que, mesmo sem Luis Suárez, o Uruguai é capaz de se superar com o jogo coletivo. “A ausência de Suárez é muito difícil de superar, mas Uruguai tem sempre jogadores que aparecem bem, como Rolán ou Cavani. A mística dessa equipe é sempre a mesma. O coletivo não vai variar por um nome próprio”, avaliou Sampaoli.

Ao longo da semana, Tabárez se disse espantando com a capacidade do Chile de atacar, atacar e atacar: “São os que tiveram os melhores momentos dessa Copa América, sem a menor dúvida”, disse o treinador uruguaio.

Sampaoli, por sua vez, já avisou que não vai mudar o estilo de sua equipe de buscar o gol, com toque de bola e velocidade. O que pode provocar um grande jogo. Em caso de empate, ele vai direto aos pênaltis. “Não vou especular com pênaltis. O resultado final será o que vier”, disse Tabárez.

Quer receber notícias do Site MS NEWS via WhatsApp? Mande uma mensagem com seu nome para (67) 9 9605-4139 e se cadastre gratuitamente!


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE