O guindaste que estava tombado na BR-163, norte de Mato Grosso do Sul, desde sexta-feira (10) foi retirado da pista no fim da tarde deste domingo (12). Para a retirada da máquina da rodovia, foi montada uma força-tarefa com Polícia Rodoviária Federal (PRF), Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), técnicos da CCR MSVia – concessionária que administra a rodovia no estado – e empresas particulares.

Tudo começou na quinta-feira (9), quando uma carreta tombou do lado de fora da pista perto da ponte no limite entre os municípios de São Gabriel do Oeste e Rio Verde de Mato Grosso, no quilômetro 649. Na sexta-feira, o guindaste, que suporta até 70 toneladas e pertence a uma empresa particular, tombou quando tentava retirar a carreta do local.

Para retirar o veículo e a grua, foi preciso chamar outro guindaste, bem maior, que suporta até 110 toneladas. Alguns veículos menores deram apoio.

Durante parte da manhã deste domingo, o trânsito ficou em sistema de pare e siga, mas depois, a pista teve de ser interditada. No dia, foram mais de seis horas de bloqueio total e cerca de dez quilômetros de congestionamento nos dois sentidos. Os motoristas receberam água e orientações sobre caminhos alternativos para carros de passeio.

Conforme a PRF, o acidente teria sido causado por falha humana. Nem o motorista da carreta nem o operador do guindaste tiveram ferimentos graves.

Segundo a CCR MSVia, o tráfego flui normalmente nas duas pistas. O usuário pode obter outras informações por meio do telefone 0800 648 0163 ou pelo site www.msvia.com.br

Quer receber notícias do Site MS NEWS via WhatsApp? Mande uma mensagem com seu nome para (67) 9 9605-4139 e se cadastre gratuitamente!


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE