Sabe aquela final quente do polo aquático entre Brasil x EUA no Pan? Não deu para assistir ao vivo na TV. E a campanha da seleção feminina campeã mundial de Handebol? Só nos melhores momentos. Explica-se: o Pan de Toronto tem transmissão ao vivo garantida de apenas um terço das modalidades. Outras podem aparecer eventualmente, ou não.

Funciona assim: todas os eventos esportivos contam com operadoras oficiais que captam todas as imagens. São elas que repassam os sinais das competições para aquelas emissoras que compraram os direitos de transmissão. No caso do Pan é a CBC (Canadian Broadcasting Corporation).
 
Portanto, a Record e a SporTV dependem da rede canadense para ter os vídeos ao vivo. Sem isso, é difícil montar câmeras para fazer a transmissão por conta própria.
 
O UOL Esporte apurou que a emissora de tv a cabo gostaria de ter mais eventos para abastecer seus canais, mas depende dos canadenses. Nos bastidores, a Record, detentora dos direitos no Brasil, responsabiliza a Odepa (Organização Deportiva Pan-Americana) por não haver sedes ao vivo em todas as sedes esportivas.
 
Em resposta à reportagem, a CBC informou que irá fornecer um total de 750 horas de cobertura para a competição. Para se ter uma ideia, os Jogos Olímpicos de Londres-2012 tiveram 5.600 horas de cobertura de esportes.
 
Segundo a rede canadense, todos os eventos são filmados, mas apenas 16 modalidades são disponibilizadas ao vivo com certeza. São elas: ciclismo de pista, ginástica artística, atletismo (com exceção de provas de ruas), saltos ornamentais, nado sincronizado, natação, hipismo, voleibol, vôlei de praia, boxe, judô, luta greco-romana, taekwondo, karate, basquete, além das cerimônias de abertura e encerramento.
 
Isso porque em apenas seis sedes há transmissão garantida pelo comitê organizador. Outras sedes podem ter fonte de transmissão ou não, afirmou o comitê organizador.
 
Só que são 48 esportes no Pan. Isso significa que 32 modalidades podem ter transmissões ocasionais, como aconteceu com o rúgbi de sete. Já aconteceu em outros eventos pan-americanos. Mas, desta vez, o número de esportes é bem alto.
 
 "A CBC não escolhe. Nós tornamos disponível tudo que é feito por Toronto 2015 para nossas audiências seja online ou parte de nossos programas", explicou a rede canadense.
 
* Colaborou Mauricio Stycer

Quer receber notícias do Site MS NEWS via WhatsApp? Mande uma mensagem com seu nome para (67) 9 9605-4139 e se cadastre gratuitamente!


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE