Valdir Antônio da Silva, 33 anos, é acusado de agredir seu pai Ademir Antônio da Silva, 69 anos, e um policial quando a guarnição atendia a ocorrência na Rua Rui Barbosa, no Bairro Centro Educacional, em Fátima do Sul. O caso aconteceu na tarde deste domingo (02).

Conforme o boletim de ocorrência, por volta das 13h10min a equipe da PM foi acionada via 190 para o atendimento de uma ocorrência de lesão corporal dolosa e ameaça.

Já no local os militares foram informados, por duas testemunhas, que Valdir estaria espancando seu genitor, além de ter dito que iria matá-lo.

O acusado, que estava bastante alterado, investiu contra os militares, desferindo socos e pontapés e dizendo que “NÃO TINHA HOMEM PARA LEVÁ-LO DETIDO e QUE OS POLICIAIS ERAM UNS MERDAS”.

O autor acabou lesionando um, integrante da guarnição PM, o qual sofreu escoriações no braço direito e joelho esquerdo.

Diante da situação foi dada voz de prisão ao acusado. Ele esboçou resistência, sendo necessário o uso moderado da força para conter a agressão e a utilização de algemas para manter a integridade física dos policiais e do próprio autor.

Ademar apresentava lesões na face, braços e pernas. Já Valdir sofreu lesões na boca, costas e braços, todas provenientes da briga com seu genitor e da resistência a prisão.

Valdir assinou Termo de Compromisso e Comparecimento e foi liberado após a conclusão da ocorrência.

Quer receber notícias do Site MS NEWS via WhatsApp? Mande uma mensagem com seu nome para (67) 9 9605-4139 e se cadastre gratuitamente!


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE