O município de Jateí realizou no dia 13 de agosto sua VI Conferência Municipal de Saúde com o tema “Saúde Pública de Qualidade para Cuidar bem das Pessoas”. Realizada no Plenário da Câmara Municipal contou com a participação de diversas pessoas entre conselheiros, usuários e servidores.

Coordenada pela presidente do Conselho Municipal de Saúde Nilza Alves teve como finalidade avaliar a situação de saúde no município, propondo diretrizes para a formulação da Política Municipal de Saúde, subsídios e eleger delegados representantes para a VIII Conferência Estadual de Saúde/CES.

O Secretário Municipal de Saúde Geberson Alves garante que a intenção é buscar novas alternativas e estratégias para a saúde das três esferas, com importantes adequações e ferramentas para melhorar a situação da saúde pública. “Este é o momento de propor novas diretrizes, onde juntos executivo, legislativo, funcionários e população possam almejar em busca de uma saúde cada vez melhor para o município”.

O prefeito Arilson Nascimento Targino relembrando a constituição federal que determinou a universalização de saúde para todos e depois municipalizada, deu um salto em qualidade com o passar dos anos com recursos avançados, diagnósticos, tratamento, profissionais e muitos programas, mas os municípios ficaram sobrecarregados os recursos financeiros não acompanharam a evolução, já que a maioria dos encargos ficou por conta da prefeitura, sendo assim ainda faltam muitas melhorias para a saúde, principalmente de Jateí. “A situação não é fácil, principalmente para quem quer manter uma saúde de qualidade como Jateí, mas contamos com a colaboração de todos e em especial dos profissionais em saúde, com trabalho e esclarecimento a população quando necessário” diz o prefeito.

O presidente da Câmara o vereador Francisco Alves de Araújo que também participou, em suas palavras direcionando ao secretario Geberson ressaltou que fazer saúde principalmente em tempos de crise é muito difícil, mas garante que Jateí tem se destacado na região como um dos municípios com melhor atendimento em saúde, resultado de uma boa administração e certamente dos profissionais envolvidos.

 O evento teve como conferencista a enfermeira do Núcleo Regional de Saúde/ MS Scheilla Guimarães da Silva que gerencia os programas Tuberculose e Hanseníase do Conesul, abrangendo 11 municípios. A mesma no intuito de ajudar, orientar as ações e debates falou sobre o Sistema Único de Saúde com foco ao eixo 1) Direito à Saúde, Garantia de Acesso, Financiamento do SUS e Atenção de Qualidade, o escolhido por Jateí, onde foram elaboradas 16 propostas que serão apresentadas na VIII Conferência Estadual de Saúde de MS pelas delegados eleitos. Usuários: Cristiane Pereira Garcia (titular) e Solange da Silva Ramos (suplente); Prestadores de serviço: João Luiz e Keila de Castro; Trabalhadores em saúde: Terezinha Machado e Andreia de Moura.

Quer receber notícias do Site MS NEWS via WhatsApp? Mande uma mensagem com seu nome para (67) 9 9605-4139 e se cadastre gratuitamente!


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE