O advogado Jéferson Antonio Baqueti foi preso após tirar foto de um cliente algemado na tarde desta segunda-feira (17), em Dourados, a 220 quilômetros da Capital. Jéferson atendia seu cliente, que estava sendo preso por problema no trânsito. O advogado tirou foto do cliente algemado e foi preso logo em seguida.

“Eu estava atendendo a um cliente em uma ocorrência de trânsito e perguntei para o PM se ele iria manter o meu cliente algemado e quando fui tirar uma foto desse meu cliente ele partiu pra cima de mim querendo pegar meu celular, como não conseguiu, resolveu me prender”, descreve Jéferson.

Abuso de poder

O vídeo do advogado sendo preso rodou o WhatsApp e foi parar na OAB-MS (Ordem dos Advogados do Brasil em Mato Grosso do Sul).

A Comissão de Defesa e Assistência das Prerrogativas dos Advogados instaurou processo para apurar os fatos, intimando os dois policias envolvidos na abordagem a apresentarem defesa, acusando-os de abuso de poder.

A OAB-MS declarou ainda que "tomará as providências cíveis, criminais e administrativas cabíveis à reparação do dano".

O Jornal Midiamax não conseguiu contatar a assessoria da Polícia Militar de Mato Grosso do Sul por conta do horário de expediente, mas entrará em contato com a instituição na manhã desta terça-feira (18).

Quer receber notícias do Site MS NEWS via WhatsApp? Mande uma mensagem com seu nome para (67) 9 9605-4139 e se cadastre gratuitamente!


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE