Após ser condenado a quatro anos e oito meses de reclusão por apropriação indébita, o vereador e advogado de Bela Vista, Marcelo Battilani Calvano, postou vídeo no Facebook e afirmou temer somente a “Justiça divina”. Ele divulgou gravação em um churrasco com a família no domingo.

“A única Justiça que devemos temer é a Justiça divina”, escreveu. Antes ele já havia publicado foto com algumas pessoas explicando que estava em um churrasco na casa de bisavó. A decisão, do juiz Vinicius Pedrosa Santos, prevê que a pena seja cumprida em regime semi-aberto.

Além disso, o legislador terá que pagar as despesas processuais e honorários advocatícios fixados em favor da Defensoria Pública, no valor de R$ 2.450 mil a serem revertidos em favor do Funadep (Fundo Especial para o Aperfeiçoamento e o Desenvolvimento das Atividades da Defensoria Pública).

Em setembro de 2012, o MPE (Ministério Público Estadual) recomendou e a Justiça acatou pedido de prisão preventiva do advogado. À época ele era acusado de estelionato pois, segundo o processo, o legislador conduzia as causas de seus clientes, a maior parte relativas a indenizações em dinheiro e, quando ganhava, ficava com o valor obtido.

Quer receber notícias do Site MS NEWS via WhatsApp? Mande uma mensagem com seu nome para (67) 9 9605-4139 e se cadastre gratuitamente!


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE