Marcos Vinícios Monteiro Alves, 22 anos, foi executado com tiros na cabeça enquanto caminhava pela Rua Jonas Ferreira de Araújo, no Centro de Deodápolis. O autor do crime foi Tales José da Silva, 18 anos, de acordo com apuração da polícia.

A vítima seguia na companhia de um amigo no momento em que foi surpreendida pelos tiros. A testemunha contou que o atirador surpreendeu Marcos pelas costas quando caminhavam pela via.

O assassino se aproximou em um automóvel, freou bruscamente e fez três disparos.

Dois deles acertaram a cabeça de Marcos, que chegou a ser levado ao hospital público da cidade, mas acabou não resistindo.

Segundo o amigo do rapaz, foi possível verificar que o atirador usou espingarda para cometer o crime.

BUSCAS

Policiais militares receberam denúncias de que o assassino estava na casa mãe, foram ao local, mas não o encontraram. De lá, seguiram para a casa dos avós de Tales, onde apreenderam apenas o carro - modelo Tipo, documentos pessoais dele e um estojo de munição calibre 22.

Os avós disseram aos policiais que souberam que o neto havia cometido o crime, mas não sabiam informar o seu esconderijo.

O motivo do crime ainda não foi esclarecido pela polícia.

Quer receber notícias do Site MS NEWS via WhatsApp? Mande uma mensagem com seu nome para (67) 9 9605-4139 e se cadastre gratuitamente!


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE