Três homens foram presos pela polícia militar na tarde de sábado suspeitos de atearem fogo as margens da BR 376/MS na 10º Linha próximo ao córrego das lavadeiras em Deodápolis.

A Defesa Civil foi acionada e esteve atendendo a ocorrência no final de tarde de sábado.

Vale ressaltar que a Legislação Ambiental tipifica como crime ambiental atear fogo com pena de reclusão de dois a quatro anos e multa. Se o crime é culposo, a pena é atenuada para detenção de seis meses a um ano e multa.

(Foto: WhatsApp / MS Cidades)

Quer receber notícias do Site MS NEWS via WhatsApp? Mande uma mensagem com seu nome para (67) 9 9605-4139 e se cadastre gratuitamente!


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE