Palmeiras e Beira-Rio, de fato, não combinam. Desde 1997, o Verdão vai ao estádio colorado e não consegue vencer, e nesta quarta-feira não foi diferente. Remendado, o time de Marcelo Oliveira voltou a sofrer um gol de bola parada e acabou derrotado pelo Internacional por 1 a 0, em jogo da 25ª rodada do Brasileirão. O gol dos gaúchos foi marcado por Nilton, de cabeça.

Desde o triunfo alviverde há quase 18 anos, foram 13 jogos na casa do Inter - três empates e dez derrotas. Nesta noite, o time palmeirense viajou sem titulares importantes, como os suspensos Lucas, Robinho, Gabriel Jesus, Dudu, além de Arouca, poupado. Marcelo surpreendeu ao escalar em vez do argentino Allione, outro hermano, Cristaldo. O camisa 9 jogou ao lado de Rafael Marques e Alecsandro. Só que a velocidade, maior arma dos visitantes no ataque, não existiu.

O Inter, aproveitando-se dos espaços na sua intermediária de ataque, começou a dar trabalho, especialmente com Valdívia, aberto pela esquerda e 'caçado' por Leandro Almeida, que mais uma vez não foi bem. O gol, porém, saiu do outro lado: em cobrança de falta de D'Alessandro, o Palmeiras mais uma vez marcou mal na jogada de bola parada, e Nilton venceu Alecsandro e Vitor Hugo para, na primeira trave, tocar de cabeça e fazer 1 a 0 no Beira-Rio.

As ausências de Robinho e Arouca sobrecarregaram Zé Roberto na armação, e o camisa 11 tornou-se presa fácil dos colorados. Quando houve um elemento surpresa à frente, o Verdão assustou, em dois chutes de Andrei Girotto - no primeiro, Muriel fez boa defesa.

A tarefa de acabar com o imenso jejum palmeirense ficou ainda mais complicada quando Leandro Almeida recebeu o segundo amarelo no primeiro minuto da etapa final e foi expulso. A partir daí, o Inter tomou conta do jogo. Vitinho, Valdivia, Alex...as chances começaram a se aglomerar para os gaúchos, que não ampliaram por falta de capricho.

O Verdão, com Allione, tentou até recuperar a velocidade que faltou durante uma hora de jogo, mas o time vivia de lançamentos longos. O Inter, sem matar o jogo, correu riscos após o vermelho recebido por Nilton, e Jackson perdeu uma chance clara nos acréscimos, garantindo a nona vitória do Inter no Brasileiro. Com 34 pontos, o time é o nono colocado, a quatro pontos do G4.

Já o Palmeiras segue com 35 pontos, na sétima colocação. O G4 vai tornando-se um sonho distante para o Alviverde. Na próxima rodada, o time enfrenta o Figueirense, sábado, às 21h, no Allianz Parque. No mesmo dia, a equipe de Argel Fucks visita o Coritiba, às 18h30.

FICHA TÉCNICA
INTERNACIONAL 1 X 0 PALMEIRAS
Data/Horário: 9/9/2015 - 19h30
Local:
Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre (RS)
Árbitro:
Wagner Reway (MT)
Assistentes:
Bruno Boschilia (PR) e Fabio Rodrigo Rubinho (MT)
RENDA/PÚBLICO: R$ 320.630 / 13.690 pagantes
CARTÕES AMARELOS: D'Alessandro, Artur, Eduardo Sasha, Réver e Paulão (INT); Vitor Hugo e Allione (PAL)
CARTÕES VERMELHOS: Leandro Almeida, 1'/2ºT (PAL) e Nilton, 37'/2ºT (INT)
GOL: Nilton, 19'/1ºT (1-0)

INTERNACIONAL: Muriel, William, Paulão, Ernando e Artur; Rodrigo Dourado, Nilton, D'Alessandro (Alex, 27'/1ºT) e Valdívia (Taiberson, 27'/2ºT); Eduardo Sasha (Lisandro López, 18'/2ºT) e Vitinho. Técnico: Argel Fucks

PALMEIRAS: Fernando Prass; João Pedro, Leandro Almeida, Vitor Hugo e João Paulo (Mouche, 38'/2ºT); Andrei Girotto (Allione, 17'/2ºT), Thiago Santos e Zé Roberto; Rafael Marques, Cristaldo e Alecsandro (Jackson, 3'/2ºT). Técnico: Marcelo Oliveira

Quer receber notícias do Site MS NEWS via WhatsApp? Mande uma mensagem com seu nome para (67) 9 9605-4139 e se cadastre gratuitamente!


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE