No dia da pesagem do UFC 192, uma notícia desanimadora: o presidente Dana White anunciou que o combate entre Johny Hendricks e Tyron Woodley, potencialmente a luta mais empolgante do card, foi cancelada.

Problemas no corte de peso de Hendricks – ex-campeão dos meio-médios – é que forçaram a organização a suspender o combate, antes mesmo de se tentar passar o norte-americano pela pesagem desta noite.

Segundo o MMA Fighting, Hendricks teve de ser levado ao hospital com uma obstrução no intestino e com pedras no rim, na noite de quinta-feira. Ele recebeu soro – o que já atrapalharia o restante da sua descida de peso, rumo aos 77 kg do meio-médio.

Um fator importante neste UFC 192 é que ele é o primeiro em que está em rigor a regra que veta a reidratação via soro intravenoso, uma prática que vinha sendo usada pelos lutadores para se recuperar do corte de peso, mas que pode mascarar doping.

O embate entre Hendricks e Woodley era atraente pelo estilo de ambos e o bom momento que vivem. O primeiro é um nocauteador de mão cheia, e se recuperou da perda do cinturão vencendo uma guerra contra Matt Brown. Já Woodley vem de dois triunfos seguidos, contra Dong Hyun Kim e a revelação Kevin Gastelum.

Os fãs (e os blogueiros) já lamentam muito a queda deste combate que tinha tudo para ser o melhor da noite (provavelmente melhor até que a disputa de cinturão. Além do estilo dos dois, já citado acima, essa luta também deveria definir o próximo desafiante pelo cinturão dos meio-médios. Os dois deixariam a vida no octógono por isso.

Na luta principal, o campeão dos meio-pesados Daniel Cormier enfrenta Alexander Gustafsson. Ambos estão de olho em uma possível volta de Jon Jones, que foi julgado, condenado a 18 meses em liberdade condicional por um acidente de carro e está apto a retornar ao octógono em busca do cinturão que lhe foi tirado.

Agora, a luta entre os pesos moscas Joseph Benavidez e Ali Bagautinov abrirá o card principal.

Atualização do post: Com seu estilo BEM Dana White, o presidente do UFC adiantou o que pretende para o futuro dos dois envolvidos nessa luta que caiu. Tyron Woodley será o próximo desafiante pelo título, enfrentando o vencedor de Robbie Lawler x Carlos Condit, luta que acontece no UFC 195 em janeiro. Dana White avisou que já considera Johny Hendricks um peso médio do Ultimate.

Sábado - dia 03/10/2015 / Horários de MS

Card Principal (22h)
Daniel Cormier x Alexander Gustafsson
Ryan Bader x Rashad Evans
Shawn Jordan x Ruslan Magomedov
Jessica Eye x Julianna Peña
Joseph Benavidez x Ali Bagautinov

Card Preliminar (19h)
Yaír Rodríguez x Dan Hooker
Alan Jouban x Albert Tumenov
Rose Namajunas x Angela Hill
Islam Makhachev x Adriano Martins
Francisco Trevino x Sage Northcutt
Chris Cariaso x Sergio Pettis
Derrick Lewis x Viktor Pesta

Quer receber notícias do Site MS NEWS via WhatsApp? Mande uma mensagem com seu nome para (67) 9 9605-4139 e se cadastre gratuitamente!


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE