A romaria de Nossa Senhora de Aparecida, padroeira do Brasil, teve uma emoção a mais para o bispo Dom Redovino Rizzardo. Ele disse que foi a última romaria que realizou antes de deixar a condução da diocese, para se tornar bispo emérito. Aos 76 anos, idade limite para deixar o cargo, ele se despede após 14 anos à frente da diocese de Dourados.

Para dar continuidade ao trabalho que Dom Redovino vem desenvolvendo, o Papa Francisco anunciará, no próximo dia 21, o nome do novo bispo. Rizzardo diz que pretende continuar morando em Dourados, onde se dedicará aos tratamentos de sua própria saúde. Mas, a partir da nomeação e ordenação, a diocese passará a ser conduzida pelo bispo sucessor, período que deve demorar entre dois e três meses. Até lá, Dom Redovino continua como autoridade máxima da igreja em Dourados.

Sobre a última romaria, Dom Redovino diz que se emocionou com a fé dos fiéis, que, mesmo com a chuva e o frio, cumpriram a tradicional caminhada até o Santuário da Vila São Pedro. “As dificuldades enfrentadas fizeram com que a fé crescesse e se manifestasse com mais vida entre todos aqueles que participaram”, destacou. O bispo estima que, apesar do mau tempo, três mil fiéis compareceram na programação de Nossa Senhora de Aparecida. Destes, mais da metade foram até o Santuário a pé.

Este ano, o ponto principal de reflexão entre os fiéis teve o tema: “A nossa maior missão é o amor” que conclamou os fiéis para viverem com princípios de mais humanidade e solidariedade.

A romaria também celebrou os 25 anos da Pastoral da Criança na diocese de Dourados dando graças a todos aqueles que atuam em defesa dos ‘pequenos’ e da família. A programação contou com participação de crianças e líderes da pastoral. Durante a Santa Missa, ponto alto do evento, ocorreu a coroação de Nossa Senhora Aparecida. Foram as crianças responsáveis por este ato.
Romaria

Pelo acostamento da BR-163, que conduz até o Santuário de Vila São Pedro, milhares de fiéis não se intimidaram com a chuva e a queda de temperatura de ontem, para celebrar Nossa Senhora da Aparecida, a padroeira do Brasil. Sozinhos, em família ou nas extensas romarias, os devotos seguiam com entusiasmo para chegar ao seu destino, onde pagaram promessas, pediram graças e até agradeceram por bênçãos alcançadas.

No dia de Nossa Senhora da Conceição Aparecida, que muitos tratam intimamente por Mãe Aparecida, visitantes de Dourados e região participaram de missa, orações e da procissão. De acordo com o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), Dourados registrou, ontem, temperatura mínima de 12.8ºC.

Segundo o reitor do Santuário, padre Rubens José dos Santos, a programação da padroeira começou no dia 3, com novena, no Santuário.

Quer receber notícias do Site MS NEWS via WhatsApp? Mande uma mensagem com seu nome para (67) 9 9605-4139 e se cadastre gratuitamente!


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE