Rapaz identificado como Willian de Souza Canteiro, 20 anos, que seria travesti, foi assassinado com tiro no pescoço depois de sair de local de encontros denominado como “paquera”, no começo da madrugada desta segunda-feira (19), no cruzamento das ruas Coronel Aurélio do Amaral e José Bataglin, no Bairro Universitário, em Ponta Porã.

De acordo com informações do site Ponta Porã Digital, a vítima foi encontrada por uma amiga. Ela contou que William estava no local conhecido como ''paquera'', nas imediações do Bairro São Domingos, em companhia de vários amigos. Em determinado momento, foi embora para deixá-la em casa e saiu do imóvel acompanhado de um homem, o qual ela não soube identificar.

Alguns minutos em casa, a amiga da vítima decidiu retornar ao local de encontros e, no caminho, acabou encontrando William ainda agonizando com um ferimento no pescoço.

Policiais militares foram chamados e encontraram a vítima já morta.

O crime é investigado.

Quer receber notícias do Site MS NEWS via WhatsApp? Mande uma mensagem com seu nome para (67) 9 9605-4139 e se cadastre gratuitamente!


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE