Reunião definirá retorno das aulas presenciais em Mato Grosso do Sul

Em Campo Grande o ensino híbrido na rede municipal começará a partir de julho

| JHEFFERSON GAMARRA / CAMPO GRANDE NEWS


Aluna da rede estadual de ensino antes do período de restrições nas escolas (Foto: Henrique Kawaminami/Arquivo)

Reunião entre membros da SED (Secretaria Estadual de Educação), prevista para a tarde de hoje (03), discutirá o início do ano letivo de forma híbrida na rede estadual de ensino a partir dos próximos meses. Um anúncio oficial sobre o retorno deve ser feito nos próximos dias.

“Ainda não temos nada definido, vamos fazer uma reunião hoje a tarde, com a secretária de educação, Maria Cecilia, para discutir o assunto', informou o Secretário-Adjunto de Educação, Edio Antonio Resende.

Para as escolas municipais de Campo Grande, a Semed (Secretaria Municipal de Educação) anunciou que as aulas devem retornar com o ensino presencial no formato híbrido no mês de julho. A decisão foi anunciada na tarde de hoje, motivada pelo início da imunização dos professores na última sexta-feira.

Em fevereiro, rede estadual de ensino chegou a anunciar o retorno das aulas no estado de forma presencial no sistema híbrido, porém o retorno precisou suspenso devido ao aumento na taxa de contaminação e mortes por covid-19 em Mato Grosso do Sul.

Vacinação de profissionais da educação – No último dia 29 de abril, a Secretaria de Estado de Saúde divulgou resolução incluindo novos grupos para serem imunizados em Mato Grosso do Sul. Mato Grosso do Sul recebeu o 15º lote da vacina contra coronavírus com 65.750 doses. De acordo com a resolução passam a ser vacinados Trabalhadores da Educação do Ensino Básico (creche, pré-escolas, ensino fundamental, ensino médio, profissionalizantes e EJA).

Quer receber notícias do Site MS NEWS via WhatsApp? Mande uma mensagem com seu nome para (67) 9 9605-4139 e se cadastre gratuitamente!


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE